Artigo original publicado no sábado, 18 de agosto de 2012

 

Olá pessoal,

Meu nome é Chong Youn (John) Choe e sou gerente de projetos na equipe do SharePoint Designer. O SharePoint e SharePoint Designer 2013 beta 2 está agora disponíveis publicamente e nós, membros do grupo dos produtos, estamos felizes de poder compartilhar publicações adicionais com você.

Esta publicação vai descrever por que a chamada do fluxo de trabalho de estilo legado está habilitada e como usá-la.

Informações básicas

Primeiro, espera-se que este recurso aumentará consideravelmente a possibilidade de reutilizar fluxos de trabalho do SPD. Os usuários poderão criar fluxos de trabalho altamente reutilizáveis em sites do SharePoint e aproveitar os fluxos de trabalho como scripts ou funções.

IOs recursos de fluxos de trabalho do SharePoint 2013 não podiam substituir completamente todas as funcionalidades das ações do SharePoint, pois o SharePoint 2013 é baseado em uma plataforma diferente e foi reconstruído nela. As equipes do produto de fluxo de trabalho investiram na produção de novos recursos para possibilitar cenários novos e mais ricos para o usuário final e eliminaram os recursos menos utilizados guiados pelos feedbacks dos usuários.

No entanto, as equipes de produto de fluxo de trabalho queriam muito cobrir todos os cenários existentes. Consequentemente, as ações "Iniciar um fluxo de trabalho" foram projetadas para permitir que os usuários finais combinem o SharePoint 2013 e SharePoint 2010, permitindo chamadas entre fluxo de trabalho do fluxo de trabalho do 2013 para o fluxo de trabalho do 2010. Foi a única solução econômica para fornecer um caminho de migração para os usuários atuais do SPD.

Os fluxos de trabalho podem ser classificados em três tipos: fluxo de trabalho de lista, fluxo de trabalho reutilizável e fluxo de trabalho do site. Para obter mais detalhes, consulte essa publicação no blog. O fluxo de trabalho reutilizável inclui parâmetros de entrada no momento de associação e pode ser acionado depois em uma lista e um item na lista, como se fosse um fluxo de trabalho de lista. Para iniciar um fluxo de trabalho, o fluxo de trabalho do SharePoint 2010 deve estar pronto para execução no momento da chamada e isso significa que ele precisa já estar associado, se for um fluxo de trabalho reutilizável. Portanto, o suporte para isso é uma única ação "Iniciar um Fluxo de trabalho de lista", que recebe 3 parâmetros, o fluxo de trabalho do SharePoint 2010 associado que será acionado, parâmetros de formulário de iniciação e o item alvo em que o fluxo de trabalho associado será executado. Por outro lado, o Fluxo de trabalho do site não precisa de um item para ser executado, então ele usa outra ação "Iniciar um Fluxo de trabalho do site" que recebe 2 parâmetros: o fluxo de trabalho do site do SharePoint 2010 que será acionado e parâmetros de formulário de iniciação.

Por último, mas não menos importante, caso você queira saber o que está abaixo da superfície, a "ponte de interoperabilidade de fluxo de trabalho" pode ser encontrada aqui http://msdn.microsoft.com/en-us/library/sharepoint/jj163181(office.15).

 

Exemplo de cenário

Agora que você entende o conceito, vamos falar sobre como e quando usar essas ações. A seguir, temos um exemplo de cenário e uma descrição passo a passo.

Vamos supor que um fluxo de trabalho "Aprovação de orçamento" está em uso no site do SharePoint 2010. Um administrador de TI decidiu atualizar o SharePoint 2010 para SharePoint 2013, em seguida, os fluxos de trabalho existentes do SharePoint 2010 foram transferidos para o novo site (obs.: isso não significa que os fluxos de trabalho foram atualizados para SharePoint 2013. Esses fluxos de trabalho ainda são fluxos de trabalho do SharePoint 2010). O fluxo de trabalho "Aprovação de orçamento" é utilizado para solicitar o orçamento do departamento financeiro ou de RH e aceita 4 parâmetros como entrada; "Orçamento solicitado" para o montante de dinheiro solicitado, "Explicação" para descrever porque ele é necessário", Data de vencimento da aprovação solicitada" para a data de vencimento da resposta, e "Referência "para outras informações relacionadas.

Vamos supor que você queira usar o fluxo de trabalho "Aprovação de orçamento" como parte de um novo processo de fluxo de trabalho. Antes, você teria que criar um novo fluxo de trabalho e reescrever o fluxo de trabalho na nova estrutura de trabalho. E se você quisesse combinar novas características de fluxo de trabalho do 2013 com o fluxo de trabalho "Aprovação de orçamento", poderia ser impossível escrever tudo em um único fluxo de trabalho.

Nesse caso, as ações "Iniciar um fluxo de trabalho" são uma solução perfeita. Vamos supor que o fluxo de trabalho "Aprovação de orçamento" é um Fluxo de trabalho da lista "Finanças da Contoso", em que os processos financeiros da Contoso são automatizados através de fluxos de trabalho.

 

Etapas de criação

 

1. Insira a ação "Iniciar um Fluxo de trabalho de lista" quando o fluxo de trabalho de destino a ser acionado é um Fluxo de trabalho de lista ou um Fluxo de trabalho reutilizável associado a uma lista.

clip_image001

 

2. Depois de inserir a ação, é necessário selecionar primeiramente o fluxo de trabalho ou a associação. Faça isso clicando no link "Fluxo de trabalho da lista do SharePoint 2010".

clip_image002

 

3. Encontre a lista em que o fluxo de trabalho de destino reside e selecione o fluxo de trabalho.

imagem

 

4. Clique em "OK" para fechar o diálogo acima. Em seguida, clique no link "parâmetros" na sentença de ação de fluxo de trabalho “Iniciar uma lista”. O SharePoint Designer 2013 analisará o fluxo de trabalho e exibirá os parâmetros de iniciação e seus valores predefinidos.

imagem

A caixa de diálogo irá exibir informações adicionais sobre "Tipo" para cada um dos diferentes parâmetros. Isso acontece porque o autor do fluxo de trabalho do SharePoint 2013 pode ser diferente do autor do fluxo de trabalho do SharePoint 2010 e queríamos fornecer informações suficientes para que o autor do fluxo de trabalho do SharePoint 2013 possa definir os valores dos parâmetros do formulário de iniciação sem olhar para o fluxo de trabalho chamado.

 

5. Você pode definir o valor de cada parâmetro durante o tempo de criação. Os valores de pesquisa podem ser selecionados aqui e o valor será realmente definido durante a execução. Isso dá bastante flexibilidade para criar um processo integrado usando um chamado de fluxo de trabalho do SharePoint 2013 e um fluxo de trabalho do SharePoint 2010 chamado.
Restrições são também fornecidas na caixa de diálogo, assim você não precisa saber as informações do parâmetro de antemão.

imagem

 

6. É claro que você também pode definir o valor digitando-o diretamente no editor de texto. Observe que o diálogo e suas funcionalidades diferem dependendo de tipos de parâmetros.

imagem

imagem

 

7. Quando você pressionar "...", um tipo de designer correspondente ao tipo de parâmetro a ser preenchido aparece e orienta a sua entrada. O diálogo de pesquisa padrão é exibido clicando no botão "Fx".

imagem

imagem

 

8. Depois de definir os parâmetros, feche o diálogo "Definir valores para Parâmetros de iniciação". O número de parâmetros definidos será exibido diretamente na sentença de ação.

imagem

imagem

 

9. Em seguida, selecione o item em que o fluxo de trabalho alvo será executado. Geralmente, é desejável executar o processo no "item atual", o que significa que o fluxo de trabalho que está chamando e o fluxo de trabalho chamado serão executados e deixarão logs e resultados no mesmo item. Para suportar o cenário geral, você deve selecionar "Item atual" para o parâmetro "este item".

imagem

 

Pronto! Chamar um fluxo de trabalho do SharePoint 2010 é tão simples quanto adicionar uma frase de ação e definir valores adequados. Na verdade, o processo se assemelha ao comportamento de usuários finais que acionam o fluxo de trabalho do SharePoint 2010 no servidor SharePoint, como selecionar uma lista, um item e um fluxo de trabalho associado e preencher o formulário de iniciação. As etapas do usuário final no servidor SharePoint encontram-se abaixo.

clip_image021

imagem

imagem

 

Outro grande recurso é que você pode usar o valor de variáveis de fluxo de trabalho chamado dentro do chamado do fluxo de trabalho do SharePoint 2013. Essas variáveis serão disponibilizadas no fluxo de trabalho do SharePoint 2013 através do uso de diálogo de pesquisa.

Vou explicar isso melhor usando um exemplo de cenário.

A nova política da empresa foi adotada e o criador de fluxo de trabalho precisa enviar um e-mail de notificação para os participantes do processo de aprovação do orçamento para analisar a nova política.

 

10. Adicione a ação "Enviar um e-mail" para enviar e-mails aos participantes da aprovação do orçamento.

imagem

 

11. Para pesquisar variáveis de fluxo de trabalho do SharePoint 2010, selecione "Pesquisa de fluxo de trabalho para um usuário" para o controle de "Para".

imagem

 

12. Uma nova fonte de dados é criada automaticamente depois de inserir a ação "Iniciar um Fluxo de trabalho de lista/Site" e selecionar o fluxo de trabalho do SharePoint 2010. O nome da fonte de dados é composto pelo texto estático "Saída do SharePoint 2010" e nome do fluxo de trabalho.

imagem

 

13. Cada variável da “Aprovação do orçamento” será exibida no 2o menu suspenso: "Campo da fonte". Selecione a variável necessária e pressione o botão "OK" para definir o valor "para" no diálogo de e-mail.

imagem

 

14. Preencha a seção "CC" de mesma maneira. Observe que a pessoa que criou o fluxo de trabalho do SharePoint 2010 criou manualmente as variáveis. Preencha os campos restantes valores desejados.

imagem

imagem

 

Espero que agora esteja claro como usar bem os valores de retorno do fluxo de trabalho do SharePoint 2010.

O exemplo anterior mostrou como você pode usar as ações "Iniciar um fluxo de trabalho" para fazer uma chamada em um fluxo de trabalho legado. Você pode ampliar este conceito e usar a mesma ação para adicionar funcionalidades adicionais em fluxos de trabalho do SharePoint 2013. Por exemplo, há algumas ações que estão disponíveis apenas nos fluxos de trabalho do SharePoint 2010 (isto é, a ação gerente de pesquisa). Você pode usar as ações "Iniciar um fluxo de trabalho" para acionar outro fluxo de trabalho que usa essas ações legadas e expandir as capacidades.

Depois de dominar as ações "Iniciar um fluxo de trabalho" e seu uso, o fluxo de trabalho do SharePoint 2013 e do SharePoint 2010 não parecerão formulários de fluxo de trabalho separados.

Limitações

Existem limitações ao combinar os pontos fortes dos fluxos de trabalho do SharePoint 2013 e 2010.

Alguns são resultado das alterações de design na nova plataforma. Por exemplo, os parâmetros do tipo "Etapas de atribuição" não são suportados em "Iniciar um fluxo de trabalho", já que o tipo de parâmetro não é mais suportado nos fluxos de trabalho do SharePoint 2013. Em outras palavras, você precisa usar o fluxo de trabalho do SharePoint 2010 sozinho, caso precisar usar "Iniciar Processo de Aprovação".

IAlém disso, todos os fluxos de trabalho que você deseja vincular usando a ação "Iniciar um fluxo de trabalho" devem residir em um site. No entanto, todos os fluxos de trabalho diferentes terão suas páginas de status do fluxo de trabalho exibidas em páginas separadas.

E, finalmente, os fluxos de trabalhos que estão chamando, associados a uma lista diferente, não podem ser executados no item atual do fluxo de trabalho do SharePoint 2013. Isso é esperado, uma vez que os dois fluxos de trabalho são executados usando listas diferentes. Por isso, se você executar um fluxo de trabalho em uma lista diferente, será necessário selecionar um item específico na lista do fluxo de trabalho de destino para usar na execução do fluxo de trabalho.

Resumo

A ação "Iniciar um fluxo de trabalho" aciona um fluxo de trabalho do SharePoint 2010 durante a execução de um fluxo de trabalho do SharePoint 2013. Há dois tipos de ação, dependendo do tipo do fluxo de trabalho chamado, "Iniciar um fluxo de trabalho de lista" e "Iniciar um fluxo de trabalho de site".

Selecione o fluxo de trabalho alvo e defina os parâmetros de iniciação do fluxo de trabalho com valores fixos ou dinâmicos. Selecione também a lista em que o fluxo de trabalho pertence e o item em que o fluxo de trabalho será executado, se estiver usando "Iniciar um fluxo de trabalho de lista".

Você poderá colocar esta ação em qualquer lugar em um fluxo de trabalho do SharePoint 2013; é permitido até chamar vários fluxos de trabalho do SharePoint 2010. Você pode reutilizar fluxos de trabalho existentes do SharePoint 2010 sem reescrever ações. É um método muito eficiente e útil para combinar fluxos de trabalho do SharePoint 2013 e SharePoint 2010.

Além disso, os valores de retorno dos fluxos de trabalho do SharePoint 2010 chamados são disponibilizados para a lógica de fluxo de trabalho do SharePoint 2013 que está chamando através do diálogo de pesquisa. Os valores de retorno incluem todas as variáveis locais e algumas variáveis condicionais, para qualquer fluxo de trabalho do SharePoint 2010 chamado no mesmo fluxo de trabalho do SharePoint 2013.

Espero que você aproveite os benefícios que isso traz!

Chong Youn (John) Choe

Esta é uma publicação de blog traduzida. O artigo original está localizado em How to trigger a SharePoint 2010 workflow from a SharePoint 2013 workflow