Por Patrick Onwumere, Director de Capacitação de Jovens, Microsoft 4Afrika

Para estudantes em todo o Mundo, independentemente da origem ou localização, acesso a educação de qualidade pode ser um desafio. Em África, normalmente é ainda mais difícil. E, quando se trata de obter qualificação a nível terciário, as barreiras à entrada podem parecer intransponíveis a muitos jovens Africanos.

Estas barreiras constituem preocupação enorme, não só porque significam que muitos estudantes não podem seguir o seu curso de escolha de carreira, mas porque têm impacto em sociedades completas. Países em desenvolvimento exigem perícia de alto nível, especialização, e perícia analítica que derivam de indivíduos com formação a nível terciário. Esta perícia auxilia a impulsionar as economias locais e concorrência económica na economia actual de conhecimentos.

É por isso que estou muito entusiasmado com o lançamento do Programa de Bolsa de Estudos 4Afrika da Microsoft, que proporcionará orientação, liderança e formação técnica, certificação, educação a nível universitário, e oportunidades de emprego a estudantes Africanos prometedores. Através da iniciativa 4Afrika Initiative e programa YouthSpark, esclarecemos a nossa intenção: auxiliar milhões de Africanos a obter perícia crítica para empreendimento e possibilidade de emprego. E este Programa de Bolsa de Estudos é outro exemplo da nossa estratégia em acção.

É oportuno que o 4Afrika Scholarship Program, assim como a primeira associação do programa com a University of the People(UoPeople), tenha sido oficialmente anunciado no Dia Internacional da Juventude. Através do programa UoPeople, que é o primeiro do que será participação de diversas instituições de educação superior, 1000 estudantes Africanos merecedores receberão Bolsas de Estudo 4Afrika. Estas bolsas de estudo auxiliarão a equipar os estudantes com perícia para seguirem uma carreira recompensadora e se tornarem contribuintes valiosos para a sociedade.

A University of the People (Universidade Popular) é uma instituição não lucrativa em linha, oferecendo graus associados em Ciência de Computadores e Administração Comercial. Tanto homens como mulheres podem submeter pedidos para o Programa de Bolsa de Estudo, mas gostaríamos que estas bolsas de estudo aumentassem o número de mulheres nestes campos de matéria – assim encorajamos muitas mulheres jovens a submeter pedido.

Estudantes que desejam requerer as primeiras Bolsas de Estudo 4Afrika à University of the People devem ter pelo menos 18 anos de idade, possuir diploma de escola secundária e conhecimentos práticos de Inglês, pois o trabalho do curso do Programa é no idioma Inglês. Requerimentos podem ser enviados ao sítio seguinte: www.uopeople.org/4afrika. Os primeiros estudantes com Bolsa de Estudo 4Afrika iniciarão as classes em Novembro de 2013. 

Esperamos ansiosamente expandir este programa com o tempo, e assim encorajo todos os jovens a estarem a par de mais oportunidades que os possam beneficiar seguindo-nos na página Microsoft Africa do Facebook, ou na @MicrosoftAfrica no Twitter, ou consultando www.youth4afrika.com.