Artigo original publicado na terça-feira, 20 de novembro de 2012

Você já recebeu uma ligação de alguém com problemas em conectar o cliente do Outlook ao servidor de emails? Não seria ótimo se houvesse uma ferramenta que você pudesse enviar para realizar testes de conectividade e fornecer um método simples de envio dos resultados de volta para você?

Ou talvez você seja um administrador que utiliza o Remote Connectivity Analyzer há anos para verificar configurações de email, mas deseja um meio para realizar os mesmos testes em sua organização, com os mesmos detalhes de diagnóstico do site do RCA.

Após ouvir pedidos como esses, nossa equipe criou uma ferramenta justamente para esses cenários. Gostaria de apresentar o Microsoft Connectivity Analyzer (beta), uma versão portátil do site Remote Connectivity Analyzer. Veja um vídeo de 49 segundos que mostra o Microsoft Connectivity Analyzer.

Essa ferramenta contém os mesmos testes do site, com uma interface do usuário bem mais simples, que você pode compartilhar com usuários, familiares ou com seu vizinho do outro lado da rua.

imagem

imagem

imagem

Além disso, dividimos os resultados em dois modos de exibição: um simplificado, que mostra apenas os resultados que até sua mãe entenderia, e os resultados com detalhes completos que apenas um administrador (no caso, você) gostaria de analisar.

imagem

Além disso, os detalhes adicionais para os administradores são mostrados na seção de análise de todos os testes executados:

imagem

Ou você pode pedir para o usuário salvar os resultados detalhados e enviá-los para você! Esses resultados são salvos como arquivo HTML e podem ser visualizados em um navegador.

Pré-requisitos do Microsoft Connectivity Analyzer

  1. A ferramenta oferece suporte aos seguintes sistemas operacionais: Windows 7 64 bits, Windows 7, Windows Server 2008 e superior
  2. Microsoft .NET Framework 4.5 obrigatório.
  3. Requisitos de navegador:

A instalação funcionará em todos os navegadores modernos. Porém...

Você pode encontrar as notas de versão completas aqui.

Ainda não terminamos. Temos planos para adicionar mais testes.

Assim como quando lançamos o site, a primeira versão do Microsoft Connectivity Analyzer está em desenvolvimento.

Como temos uma ferramenta no local, com o usuário final, estamos em uma ótima posição para ampliar os testes, de modo que incluam problemas comuns de todos os tipos de conectividade. Esta versão preliminar da ferramenta é apenas o começo.

E isso não é tudo!

Além de fornecer uma nova ferramenta, unimos forças com o Lync Remote Connectivity Analyzer e integramos as duas ferramentas. Você verá que removemos “Exchange” do nome e que há um novo endereço para acessar o site: http://testconnectivity.microsoft.com. É isso mesmo: todos os testes do Lync e Exchange estão disponíveis no mesmo site.

Os testes incluem:

  • Teste de Conectividade Remota do Serviço Web da Descoberta Automática do Lync Mobile, que testará a conectividade remota com o servidor do Serviço Web de Descoberta Automática do Microsoft Lync Mobile
  • Testes do Microsoft Office Communications Server, que testarão a conectividade remota com o Microsoft Office Communications Server. Eles realizarão a descoberta automática da borda de acesso e da porta de conexão OU permitirão que você especifique um servidor de borda de acesso.
  • Teste de Conectividade Remota do Lync Server, que testará a conectividade remota com o Microsoft Lync Server. Ele realizará a descoberta automática da borda de acesso e da porta de conexão OU permitirá que você especifique um servidor de borda de acesso.

imagem

Mas espere, ainda tem mais...

Eu cheguei a comentar que estivemos ocupados este ano? Na guia do Office 365, você verá dois novos testes: DNS do Lync do Office 365 e Disponibilidade.

O Teste de DNS do Lync do Office 365 verificará as configurações de nome do domínio externo para o usuário de domínio personalizado no Office 365.

imagem

Graças à equipe de Serviços de Implantação do Office 365, o site do RCA hospeda o teste de Disponibilidade do Office 365. Ele verifica se a caixa de correio do Office 365 pode acessar as informações de disponibilidade de uma caixa de correio no local e vice-versa. Isso inclui:

  • uma verificação para confirmar se a hora do sistema do servidor híbrido tem mais de cinco minutos de diferença, o que leva a falhas ao solicitar tokens de delegação do Microsoft Federation Gateway.
  • uma verificação para conferir se a conectividade de entrada com o servidor híbrido não exige pré-autenticação de firewall, ou seja, se o firewall permite autenticação de passagem.
  • uma verificação para conferir se o servidor híbrido atendi aos requisitos mínimos de versão do Exchange Server (Exchange Server 2010 SP1).
  • uma consulta básica de disponibilidade direcionada ao Serviço de Disponibilidade de destino.
  • Links com orientações a respeito do assistente de configuração híbrida, uma fonte comum de erros de configuração de implantações híbridas

Ufa! Obrigado por ter chegado até aqui. Espero que você aproveite as novas atualizações. Não deixe de compartilhar suas opiniões conosco.

Nicole Allen
Em nome da equipe do RCA

Esta é uma postagem de blog traduzida. Consulte o artigo original em What’s new with Microsoft Remote Connectivity Analyzer? A lot!