Artigo original publicado na quarta-feira, 03 de outubro de 2012

Você pode ter visto a introdução ao novo Centro de Administração do Exchange (EAC). O EAC é um portal baseado na Web unificado para implantações do Exchange online e local. Gerenciar a alta disponibilidade (HA) é um dos principais cenários para clientes locais e o EAC oferece uma nova experiência de gerenciamento de HA. Com o EAC, as ferramentas de gerenciamento HA são agrupadas com um novo visual moderno.

Gerenciar HA do Exchange envolve diferentes operações como trocas do banco de dados, trocas de servidor, adicionar cópias do banco de dados, reenvio, etc. Em versões anteriores do Exchange, haviam diferenças no UI em consoles de gerenciamento que exigiam o uso do console e do shell para algumas tarefas de gerenciamento. Por exemplo, configurar cópias do banco de dados em atraso. Em versões anteriores do Exchange, você precisou criar uma cópia do banco de dados em atraso usando o shell. No Exchange 2013, é possível fazer isso usando o EAC.

Ao usar o EAC para gerenciar um ambiente local, você verá um painel de recursos chamado “Servidores”. É aqui onde os recursos HA relacionados ao servidor de caixa de correio são gerenciados. Um exemplo disto é mostrado abaixo na Figura 1.

20121002-151313
Figura 1. Onde gerenciar HA com o EAC

Nesta área de recurso, você verá 5 guias (servidores, bancos de dados, grupos de disponibilidade do banco de dados, diretórios virtuais e certificados). As primeiras 3 guias são usadas para gerenciar recursos HA relacionados ao servidor de caixa de correio.

Criação e configuração do grupo de disponibilidade do banco de dados

Vamos começar configurando um novo DAG. Como mostrado na figura abaixo, é possível criar rapidamente um DAG usando o EAC.

20121002-151425
Figura 2: Novo grupo de disponibilidade do banco de dados

É possível adicionar servidores de caixa de correio ao DAG, como mostrado na Figura 3.

20121002-151528
Figura 3: Gerenciando a associação do DAG

Gerenciamento do banco de dados e de cópias do banco de dados

Agora é o momento de trocar para o gerenciamento do banco de dados para configurar bancos de dados de caixa de correio e implantar cópias do banco de dados em membros do DAG.

Continuando de onde paramos, trocamos para a guia banco de dados. Como você pode ver, há uma opção chamada "Adicionar cópia do banco de dados", como mostrado na figura abaixo.

20121002-151638
Figura 4: Adicionar cópias do banco de dados de caixa de correio

Todas as cópias do banco de dados são mostradas no painel de detalhes do banco de dados, como mostrado na Figura 5.

20121002-151809
Figura 5: Cópias do banco de dados no painel de detalhes

Detalhando o painel de detalhes do banco de dados de caixa de correio, é possível ver o status do banco de dados selecionado e suas cópias. Também é possível ver informações importantes como o comprimento da fila de cópia e o estado de índice do conteúdo. Para cópias passivas, é possível fazer operações diferentes como suspender e ativar com base em seu status atual.

Após ter criado cópias do banco de dados para um banco de dados, é possível trocar facilmente para outros bancos de dados na exibição de lista de banco de dados principal para criar cópias. Como você pode ver, os administradores podem gerenciar o banco de dados e as cópias dos bancos de dados em uma exibição sem trocar para outro UI. Muito útil e simplificado!

Troca de servidores

Como mencionado antes, além de gerenciar HA no nível do banco de dados, também é possível realizar trocas a nível do servidor. O EAC oferece uma forma mais completa de gerenciar servidores.

 

Por exemplo, por vários motivos, você pode precisar colocar alguns membros do DAG offline. A primeira etapa para fazer isso será sempre realizar uma troca de servidor, isto é, mover todas as cópias ativas atualmente hospedadas neste servidor para outros membros DAG, como mostrado abaixo.

20121002-151930
Figura 6: Troca de servidor

Assim como o Exchange 2010, ao realizar uma troca, é possível especificar o destino da troca ou realizar uma troca sem destino, como mostrado abaixo na Figura 7.

20121002-152025
Figura 7: Duas escolhas para troca de servidor

Conclusão

O UI útil e melhorado oferece uma experiência nova ao gerenciar HA no EAC. Você não precisa mais trocar entre o console e o shell. E, mais importante, é possível acessar facilmente de qualquer local.

Vá e teste. Esperamos ouvir seus comentários!

Bin Sun

Esta é uma publicação traduzida. Encontre o artigo original em Managing High Availability with the EAC