image

Pessoal,

Como postei aqui na última semana, tive o prazer de participar do Info Rio 2009. O evento foi uma oportunidade de visitar o Rio de Janeiro, num belo dia de sol.

O evento estava cheio – várias salas simultâneas e o pessoal bem interessado. Na sala que participei, o tema era  “Redução de Custos de Infraestrutura”. Basicamente, o objetivo era trazer à tona o que os fornecedores de software oferecem e estão fazendo para que os clientes consigam se adequar à essa situação que enfrentamos de fazer mais com menos.

Como keynote desta mesa, David Royer, Chairman da SNIA falou um pouco sobre os desafios de se adaptar à novas tendências, como dimensionamento de storage, Green IT e Cloud Computing. David é americano, mas viveu vários anos no Brasil e abordou pontos muito importantes que depois fizeram vários “links” com nossa palestra.

Após o keynote de cerca de 1 hora e 30, cada debatedor teve 20 minutos para expor suas soluções. O teor foi mais ou menos esse:

  • IBM, falou do caso de sucesso (interno ;-)) deles de Green IT e consolidação de fornecedores (me lembro deste projeto que eu trabalhava lá ainda)
  • Cisco, falou um pouco sobre cloud computing e algumas ofertas novas como da Terremark (a grande pergunta é: Quão fácil é sair e entrar da nuvem ??)
  • Microsoft (eu ;-) Bem, abordei que como uma empresa de plataforma, estamos preocupados sim em fornecer a melhor infra que se adapte às grandes mudanças. Hoje, é redução de custo, Green IT, etc. Amanhã, pode ser nuvem. O que você precisa não é um sistema operacional para a nuvem, mas sim, um sistema operacional preparado para a nuvem, que lhe dê flexibilidade de construir soluções escaláveis e robustas com diferentes modelos de negócios. Abordei aspectos do Windows Server 2008 R2, desenhado com esse propósito e como o gerenciamento é essencial para que seu ambiente não vire um caos (apoiado pelas palavras de David Royer). Ao final, apresentei o Windows Azure, nossa proposta de flexibilidade que permite um modelo de negócios procurado por muitas empresa. Entretanto, deixei bem claro nosso posicionamento de “poder da escolha”.

Ao final, exibi um vídeo de um cliente nosso que se fez valer da nossa plataforma para redução de custo: Itaú reduz custo ao migrar do mainframe para Windows Server 2003 e SQL Server 2008

Ao final do evento, perdi meu vôo ;-0), mas consegui embarcar logo em seguida, de volta para casa!

[]’s e até a próxima RJ!